Sobre nós

Conheça a história do IrriWatch!

História do Irriwatch

Wim Bastiaanssen cresceu em uma fazenda no Nordeste Polder, uma terra recuperada de um grande mar interior holandês. Ele ficou fascinado com as histórias de seu pai sobre a conversão de um fundo lamacento do mar em terra fértil com um sistema de drenagem bem funcional. Wim sabia desde os 15 anos que queria buscar uma profissão em gestão de água.

Seu primeiro cargo júnior foi no Instituut voor Cultuurtechniek and Waterhuishouding (ICW) em Wageningen durante 1986. Durante este trabalho ele entrou em contato com dados infravermelhos térmicos do Landsat sobre o deserto do Egito que acabava de ser lançado. Wim ficou intrigado com as grandes variações de temperatura da superfície e isso levou a sua mudança de engenheiro prático para um jovem cientista. Expôs-se à literatura internacional na área de sensoriamento remoto térmico e balanços de energia e observou que a maioria das soluções eram muito sofisticadas ou tinham um caráter empírico que não podia ser copiado para outras regiões. Ele começou a pensar mais em um método prático que pudesse se calibrar para diferentes condições ambientais. Durante um feriado na Sicília, ele de repente teve a ideia de utilizar pixels quentes e frios para calibração interna. Sua tese de doutorado na Universidade de Wageningen em 1995 descreve esse método; O SEBAL nasceu.

Durante a década de 1990, Wim participou de várias campanhas internacionais de fluxo em grande escala, onde aprendeu a profissão de físico do solo e micrometeorologista. Ao inspecionar as medições de fluxo turbulento, ele descobriu que a fração evaporativa era bastante constante durante o ciclo diurno (fora da comunidade de sensoriamento remoto, isso foi detectado antes).

The papers from 1992 and later proofed that this concept could be used for determining daily ET fluxes from remote sensing data. The constancy of evaporative fraction is now a basic and essential assumption in many common remote sensing algorithms.

Wim worked at various international research institutes and universities in the period 1997 to 2018. During this period, SEBAL upgraded continuously with more perfection. In the meantime, METRIC from Rick Allen was derived from SEBAL and developed in parallel. SEBAL and METRIC became standard ET algorithms in many higher and lower income countries. The nice thing is that others were starting to validate these models. A better international acceptance is not possible.

The lack of standard methodologies for operational irrigation and crop management prompted Wim in 2019 to start IrriWatch. The science was already established for a long period, but imbedding in daily on-farm decisions was in its infancy. He developed SEBAL-4 with the capacity to have daily ET images and a data subscription system. Since the start of IrriWatch in 2019, crop health and plan irrigation actions are monitored on 1 million ha of farmland. “It is a great satisfaction to help farmers directly without decisions from third parties that only create unnecessary obstacles” said Wim. He is now back to the community he originated from.

Grupos-alvo

Agricultores e produtores

Receba atualizações diárias para cada campo (ou setor de um campo) relacionadas a conselhos de irrigação, monitoramento de crescimento, nitrogênio foliar, condições do solo, alertas de anomalias e variabilidade dentro do campo.

Empresas de alimentos e sementes

Método padrão para monitorar todos os campos globalmente, permitindo avaliar os volumes do produto para as plantas de processamento alguns meses antes da colheita, avaliar a qualidade do produto e relatar a sustentabilidade.

Fabricantes de irrigação

Oferecendo aconselhamento de irrigação de 1 a 8 dias por setor/zonas de gerenciamento de válvula para controle (automatizado) do sistema e revisão de planos de irrigação semanais para verificar se a prioridade de irrigação requer ajuste.

Empresas de software para agricultura

Expansão dos serviços digitais com dados sensorless e mais foco em 10m x 10m dentro das variabilidades de campo.

Bancos e seguradoras

Use dados históricos para conhecer seu cliente (KYC) e reduza o risco de investimento financeiro e prêmio de seguro. Avaliação independente das condições de campo em caso de disputas.

Organizações governamentais

Auxiliar os Conselhos de Irrigação com a gestão do esquema e procedimentos refinados de alocação de água, incluindo o cumprimento das jurisdições de água.

Consultores

Forneça a agrônomos e hidrólogos dados independentes para executar seu trabalho com mais eficiência e criar uma base de dados de tendências na produtividade da terra e da água.

A equipe Irriwatch

Prof. Wim Bastiaanssen

Fundador e responsável

Ir. Tim Hessels

Especialista em Geo-Irrigação e Ph.D. aluna

Dr. Roula Bachour

Cientista principal

Ing. Sam Bastiaanssen

Especialista em SIG e Gerente Operacional

Ir. Gijs Bastiaanssen

Liderar negócios e finanças

Ir. Richard Knol

Analista de informações

Ir. Harald Tijink

Desenvolvedor de TI

Bas Vullings

Estagiário

Nossos parceiros